Terminal dos Cruzeiros

8888 1
11111111
pp 1
panel05 interior final

Para o concurso do novo Terminal de Cruzeiros de Lisboa, foi desenhado um projeto para mostrar o código genético da cidade ribeirinha.

panel05 01 1

São avaliados três valores fundamentais: AL hamma, o aterro do porto e a morfologia urbana. Lisboa tem aqui uma oportunidade irrepetível para a recuperação ambiental através de uma solução inovadora.

panel02 1
panel04 0 Copy 1
O projeto privilegia a interação entre o território e grupos sociais, extraindo o espaço físico do espaço social. Os diferentes níveis definem lugares que o convidam a ficar e estão organizados em torno da água.
 
panel03
panel01 1

Related

Campo das Cebolas

CEBOLAS 1 edited
Maquete Cebolas
RRR
BINGMAPS 03

Para a reformulação do campo das cebolas  Propõe-se um espaço de transição entre diferentes realidades da cidade – a Nascente à Praça do Comércio e a Norte a Colina do Castelo.

PAN 07

A proposta enriquece a reflexão e o debate sobre o futuro da própria frente ribeirinha, especialmente nos troços em que a sua regeneração foi adiada. A solução de desenho urbano e os materiais que garantem uma desejável continuidade do local, permitindo ainda a definição de diferentes ambientes ajustados à natureza dos diferentes espaços.

PAN 12

Campo das Cebolas é o lugar mais significativo do plano ribeirinho. Os caminhos anteriormente interrompidos e as novas ligações urbanas são integrados na proposta. Gerando um espaço dinâmico de passagem e ao mesmo tempo de permanência.

PAN 03
gfgfgf



circulacao3
circulacao2
circulacao1

Related

Plataforma Tejo

DMF Ressano Garcia PLTAFORMA TEJO
DMF Ressano Garcia Bairro Ribeirinho Santos Modelo 0578
ddddd
18

Propõe uma reconfiguração sustentada do território portuário através da construção de uma plataforma que reconete a cidade e o rio.

perspectiva 1 jao copy 1 edited 1

Mais do que um novo projeto entre Alcântara e Santos, a Plataforma Tejo é um conceito. Inovador, propõe uma morfologia urbana aplicável a qualquer cidade portuária que pretenda retomar a ligação ao rio e / ou mar.

ss
Supera, a baixo custo, as barreiras de circulação existentes – rodoviária ou ferroviária – sem as afetar, e cria um espaço público contemporâneo com diferentes possibilidades de uso – palco de grandes eventos ou um jardim suspenso no meio da área industrial. Não se trata de urbanizar os terrenos portuários, mas de valorizar as oportunidades nessa zona, melhorando as condições urbanas e eliminando as carências da cidade velha e dos seus equipamentos
 
tagus2 1

A Plataforma Tejo propõe uma reconfiguração sustentada deste território através da construção de um aterro, agregado à cidade e que, entre muitas outras características, permite o acesso ao maior museu português (Museu Nacional de Arte Antiga), criando simultaneamente uma área de recepção privilegiada para Terminal de Cruzeiros Turisticos da Rocha de Conde de Óbidos.

O projecto Plataforma Tejo será uma obra pública emblemática que permite que Lisboa se projete no cenário internacional.

tagus3

Media Referencing

“(…) innovative, because it proposes an urban morphology that can be applied to any port city that wants to resume the connection with the river or the sea. (…) with this new topography, the three-dimensional character of the city is valued (…) “

Expresso
Read the complete article →

aqua 1

“The regeneration of the riverfront implies a theory of needs, by providing new public spaces for this fraction of the city by crossing existing circulation barriers between the city and the port, as an organized continuation of the city against the river”

Arqa
Read the complete article →

italia

“The evidence presented confirms that public spaces in port areas have a particular cultural significance. By creating a new urban image in the riverside area, which are extremely valuable for cities to be able to redefine the quality of urban life, as well as maritime activities. and leisure. “

Italia Nostra
Read the complete article →

publico

“This is the dream of the architect Pedro Ressano Garcia – a kind of hanging garden between the area of the Museum of Ancient Art and the river, through a platform that would pass over the 24 de Julho avenue and the train line, overcoming the obstacles that today they separate us from the Tagus. “

Público
Read the complete article →

Related

Sotão Pré-Pombalino

SOTAO
DMF Ressano Garcia Rua da Vinha Modelo 0198
Esquisso
DMF Ressano Garcia RUA DA VINHA 7557
DMF Ressano Garcia RUA DA VINHA 7518
DMF Ressano Garcia RUA DA VINHA 7535
sssssss
3434324

A nossa proposta visa o bem-estar e conforto para que, os espaços interiores sejam vivenciados ao longo do ano.

No projeto procuramos explorar a luz natural que invade o espaço, variando ao longo do dia. Orientamos a luz de forma a projetá-la nas caixas suspensas no teto através da entrada da luz zenital. O projecto prevê a instalação de várias janelas VELUX, incluindo duas que simulam uma abertura para o terraço a sul


DMF Ressano Garcia RUA DA VINHA 7567

Related